Cuidados Com a Instalação Hidráulica Predial

Saiba quais são os cuidados com a instalação hidráulica predial da sua empresa

Para garantir que o abastecimento de água da sua empresa funcione corretamente e não ocorra nenhuma intercorrência, é necessário que o sistema hidráulico seja instalado corretamente

As instalações hidráulicas são compostas de sistemas e subsistemas de uma edificação que servem para captar, transportar e armazenar fluidos e podem ser instalações de água fria, de esgoto, de água quente, instalações de água pluvial ou de combate a incêndios

 

Veja a seguir os principais cuidados que são necessários com a instalação hidráulica de uma empresa

 

Realize o planejamento à partir do projeto arquitetônico

Se você deseja economizar e fazer a instalação hidráulica corretamente, planejar é fundamental. O planejamento é a maneira ideal de realizar toda a instalação evitando retrabalho e gastos desnecessários

Por isso, faça o mapeamento do projeto composto por plantas baixas, detalhes de esgoto, isométricos de água, esquemas verticais de água e esgoto e detalhes específicos

Ele servirá como um guia para te ajudar a definir o posicionamento dos canos, torneiras e afins, apontar o tamanho, quantidade de material que será utilizado, além é claro de definir o custo

O Profissional qualificado para elaborar os projetos hidrossanitários é o Engenheiro Civil, mas lembre-se de que o mesmo deverá estar registrado junto ao seu Conselho (CREA) e recolher a Anotação de Responsabilidade Técnica para elaboração do Projeto Hidráulico

 

A posição da caixa d´água é importante

A primeira coisa a ser feita na instalação hidráulica é posicionar a caixa d ‘água; e neste caso, posicioná-la corretamente é essencial. Considere os seguintes fatores:

Se atente para a qualidade da caixa e com o seu posicionamento. As caixas de polietileno são as mais comuns do mercado, uma vez que são leves e fáceis de manusear

Ela deve ser instalada no ponto mais alto da edificação. Assim ela pode distribuir a água por igual e corretamente para cada um dos ambientes, evitando problemas no abastecimento

Não se esqueça de instalar a boia e o registro na saída de água

As conexões precisam ser instaladas na caixa corretamente para que a tubulação consiga conduzir a água do hidrômetro até o reservatório

 

 

Cuidado!

Caso você tenha uma área industrial ou condomínio com edificações e queira realizar uma caixa d´água central para distribuir à todas as unidades é necessário um técnico especializado para mensurar o projeto hidráulico

 

Neste caso indicamos as torres de concreto. As torres d’água pré-moldadas apresentam diversas dimensões e capacidades, com desenvolvimento de métodos e sistemas diferenciados para estes equipamentos, como o processo da superestrutura em anéis autoportantes para torres d’água com medidas e capacidades superiores às encontradas no mercado

 

As caixas d’água utilizadas, chamadas também de colunas d’água, possuem alturas que variam (M.C.A. = metros de coluna d’água) de acordo com o volume e o diâmetro dimensionado a partir da necessidade de cada cliente e com os cálculos de empuxo d’água

 

Por isso, não deixe de consultar um especialista!

 

Se a instalação do imóvel for muito antiga,

substitua por uma nova

Caso a sua instalação for muito antiga e ainda seja composta por tubos de ferro, é hora de trocar!
Além de causar infiltrações, tubos de ferros enferrujam e contaminam a água deixando ela avermelhada. O recomendado é que esses tubos sejam substituídos por tubos de PVC

 

Invista em tubulações resistentes

A tubulação é parte fundamental de uma instalação hidráulica, uma vez que os tubos são os responsáveis por realizar toda a distribuição da água para as torneiras, chuveiros e sanitários

Para que não haja nenhuma complicação, é necessário se atentar a alguns cuidados necessários na hora de escolher a sua tubulação:

Não compre tubos de marcas diferentes, pois isso pode gerar desconexões

Utilize tubulação cujo material seja de qualidade

Use canos de PVC para conduzir água fria e canos de ferro ou cobre para conduzir água quente

Evite usar trechos muito longos ou conexões em excesso para não prejudicar o desempenho do seu sistema hidráulico, diminuindo a pressão e atrapalhando a distribuição de água

 

Outras considerações:

• Antes de fazer o contrapiso ou fechar a parede, as instalações devem ser testadas e validadas

• Peças sanitárias e os metais (vaso sanitário, pia, torneira, misturador) devem ser instalados por último

Colocando dicas simples como essas em prática você vai economizar materiais e reduzir as chances de falha durante a obra, além de evitar dores de cabeça no futuro

 

Quais são os tipos de instalações hidráulicas?

 

Instalações de água fria

As instalações hidráulicas de água fria são aquelas que tem como objetivo abastecer os pontos de uso de água em uma edificação

Ela são compostas por um conjunto de tubulações (rede de distribuição), dispositivos, equipamentos e reservatórios
A rede de distribuição de uma instalação hidráulica é formada basicamente por:

Barrilete: um conjunto de tubulações que se origina no reservatório e alimenta todos os ramais prediais por meio de suas colunas de distribuição

Coluna de distribuição: estão presentes no barrilete e, como o próprio nome diz, distribuem a água para os ramais

Ramais: recebem a água das colunas e distribuem para os sub-ramais nos pavimentos

Sub-ramais: são as tubulações que alimentam diretamente as peças de utilização

 

Instalações de água quente

A rede de água quente é responsável por aquecer e distribuir a água aquecida para chuveiros e pias
Em casa, os aquecedores mais comuns são os elétricos e a gás. Nos últimos anos, os aquecedores alimentados com placa solar também têm ganhado a preferências dos clientes, devido a economia de energia

 

Rede de Esgoto

A rede de esgoto é a responsável por retirar os efluentes gerados no sistema hidráulico sanitário, pias e ralos da casa e enviar para o esgoto da cidade

Mas antes de ir para a rede pública, a água suja coletada no sistema hidráulico deve passar por uma caixa de gordura para evitar entupimentos

Ela deve ser instalada sob o solo e precisa de limpeza periódica, geralmente de 6 em 6 meses

Outro ítem que merece atenção na instalação hidráulica são as caixas de limpeza ou inspeção. Essas são instaladas na fase de ligação de rede de esgoto e tem como objetivo possibilitar a inspeção, o reparo e a desobstrução da rede

 

Rede de águas pluviais

A rede de águas pluviais é a parte da instalação hidráulica responsável pelo escoamento das águas das chuvas
Esse sistema hidráulico é feito por meio de calhas, bocais de escoamento, tubos de coleta de água em grelhas ou escoamento na sarjeta em frente ao lote

 

Quais são os tipos de tubos usados na instalação hidráulica?

 

Existem vários tipos de tubos usados na instalação hidráulica, pois eles variam de acordo com o tipo de instalação: de água fria, água quente, esgoto, armazenamento ou redes pluviais

Para escolher o tubo correto, deve ser considerado o tipo de material que passará por ele, entendendo a variação no fluxo de fluídos, temperatura etc

 

Entre os tubos mais indicados estão:

Tubos PVC: os tubos e conexões em PVC são os mais comuns em instalações residenciais e são utilizados em instalação de água fria. Apresentam temperatura de trabalho a 20ºC e se dividem em tipos de PVC soldável e roscável

 

Tubos CPVC: são materiais de alta resistência mecânica, usadas para instalações de água quente e fria, pois suportam temperaturas de 70ºc a 80ºC

 

Tubo PEX: o tubo PEX é um tipo de mangueira específica usada para ligar um módulo de distribuição de água fria ou água quente, com temperatura de trabalho de 70ºC. Por ser um tubo para conexões metálicas do tipo deslizante é a opção mais usada em paredes com sistema Drywall

 

Tubo PPR: são tubos indicados para água quente e dispensam isolamento térmico. Eles suportam temperaturas elevadas, de 70ºC até 95°C. A fusão dos tubos e conexões PPR se dá por termofusão (260ºC), formando uma tubulação única e prevenindo vazamentos

 

PVC para rede de esgoto: são tubos de PVC específicos para a rede de esgoto, com diâmetro e resistência adequada para esse escoamento. Se divide em dois tipos, que são a série normal (tubo branco) e reforçada (tubo cinza claro)

 

Cada um deles é melhor recomendado para situações específicas.

Não deixe de contratar um especialista em instalações hidráulicas!

 

Como calcular as medidas de uma instalação hidráulica?

O cálculo das medidas de instalação hidráulica devem considerar os espaços mínimos dos ambientes e acessórios para um uso funcional

Por isso, o projeto hidráulico deve prever na instalação como a empresa usará os ambientes e contar também com as possibilidades de reforma, mudança de pontos de saída etc

 

Na construção civil existem várias normas técnicas que regulamentam essas medidas. Por isso, um profissional qualificado é fundamental, para ter esse conhecimento técnico para considerar diferentes cenários

 

Você pode contar com a ConstruServices para planejar, executar e gerir a instalação hidráulica predial da sua empresa
Não deixe de nos consultar. Faça contato

Posts Relacionados

Manutenção Preventiva: Descubra os 4 Diferentes Tipos e Potencialize a Durabilidade de Suas Instalações

Manter a excelência de obras e reformas vai além da sua conclusão final. A manutenção preventiva é a chave para preservar a qualidade e prolongar…

O que é Manutenção Corretiva? Qual a sua importância?

O objetivo da manutenção predial é manter o edifício confortável e eficiente para todos os frequentadores. Isso implica em cuidados constantes de rotina e também…

Conte com a ConstruServices para ter um serviço com qualidade e segurança!

Atuamos em serviços de manutenção elétrica, manutenção hidráulica, construção e reforma, CFTV, energia solar fotovoltaica, projetos arquitetônicos, serviços de TI e manutenção predial.

Nosso trabalho é focado no compromisso com o cliente em todas as fases do projeto para estabelecer uma parceria duradoura para satisfazer necessidades e superar expectativas.

Traga seus objetivos e metas e juntos encontraremos as melhores soluções!