Como cuidar da manutenção elétrica predial? Aprenda a forma correta

A manutenção elétrica predial é fundamental para residências, empresas, indústrias e condomínios, desempenhando um papel relevante na preservação de equipamentos eletrônicos e segurança de todas as pessoas.

Realizado da forma correta a manutenção elétrica predial promove não apenas a qualidade das instalações, como também contribui significativamente para a segurança da edificação, uma vez que previne curtos-circuitos, apagões e outros problemas que podem ocorrer.

 

Tipos de manutenção elétrica predial

O trabalho de manutenção tem sido cada vez mais valorizado e as equipes precisam estar qualificadas e preparadas para evitar as quebras ou falhas. Por isso, existem diversos tipos de manutenção para a conservação da elétrica predial. Destacamos 3 tipos muito importantes:

Manutenção corretiva: ocorre quando há o reparo de equipamentos após a avaria. Esse tipo de manutenção requer pessoal previamente treinado para atuar com rapidez e eficiência em todos os casos de defeitos previsíveis.
Manutenção preventiva: este tipo de manutenção consiste em prevenir defeitos que possam causar a parada ou baixo rendimento dos equipamentos em operação. Um bom plano de manutenção preventiva vai ajudar a reduzir custos para a empresa, evitando paradas elétricas que interrompam a produção, trabalho, etc.

Manutenção preditiva: neste tipo de manutenção, é importante que os equipamentos ou componentes elétricos tenham algum tipo de monitoramento ou medição. Requer um programa de acompanhamento da degradação do ativo para preparação prévia do serviço.

Manutenção detectiva: o objetivo desta manutenção é detectar falhas ocultas em instalações elétricas, como por exemplo o botão de lâmpadas de sinalização e alarme em painéis. Este tipo de identificação é importante para aumentar a confiabilidade dos equipamentos.

 

 

Entenda abaixo como cuidar da manutenção elétrica predial

 

De que forma realizar a manutenção elétrica predial?

A manutenção elétrica predial deve ser realizada de forma preventiva e constante, justamente por ser uma atividade de precaução, para assim, prezar pelo bom funcionamento de todos os equipamentos eletrônicos instalados.
No caso da manutenção predial, problemas em quadros, disjuntores, interruptores, lâmpadas, fiações e outros componentes podem gerar acidentes com consequências graves para os moradores e também danos na edificação.
Além disso, esse tipo de cuidado evita que possíveis problemas sejam encontrados em nível de urgência, reduzindo assim, gastos com reparos ou trocas de equipamentos.

 

Conheça os 5 passos para realizar a manutenção elétrica predial preventiva

Para te ajudar a elaborar a manutenção elétrica preventiva, separamos diversos tópicos que devem ser levados em consideração, confira:

  1.  Analise a instalação elétrica atual.O primeiro passo para uma boa manutenção preventiva predial é analisar o estado da instalação elétrica. Durante a análise, pergunte-se: a parte elétrica foi bem instalada? A fixação dos fios é capaz de evitar o derretimento entre eles, choques e o cheiro de queimado? Os disjuntores estão dimensionados corretamente para as cargas atuais? Para responder essas questões, é preciso checar se o dimensionamento dos cabos é suficiente. Lembrando que a bitola do fio deve seguir as orientações das normas da ABNT, principalmente a NBR-5410.
  2. Crie um cronograma de manutenção. É importante ter um cronograma da manutenção preventiva para estipular a sua frequência. Em geral, essa atividade deve ser realizada anualmente a partir de 5 anos da criação da instalação elétrica no prédio. Somente com essa manutenção é possível garantir que o prédio funcione sem problemas elétricos, sendo essencial para a segurança dos moradores e trabalhadores no local.
  3. Anote as falhas em um histórico. Para executar um trabalho de qualidade, é fundamental montar um histórico de falhas na instalação elétrica. Dessa forma, quando problemas surgirem, é possível analisar informações antigas para entender melhor como solucionar a situação e evitar que ela se repita.
  4.  Organize os recursos necessários. Outro ponto importante é a organização de todos os recursos necessários para a manutenção preventiva predial, tanto profissionais capacitados, ferramentas adequadas para o trabalho e também separar um orçamento para essa atividade.
  5. Confira o dimensionamento dos cabos. Os diferentes tipos de cabos que compõem o sistema elétrico predial podem causar diversos acidentes, desde choques até curto-circuitos. Nessa situação, é primordial separar uma parte da manutenção elétrica para verificar o dimensionamento dos cabos a partir da saída dos quadros de energia até os equipamentos. O cabeamento envolve os cabos de internet, telefonia e televisão para os moradores do prédio, por exemplo; e embora nem todos estejam relacionados à energia elétrica, eles também podem entrar em curto e provocar danos nas instalações. Lembre-se de checar o que as normas da ABNT dizem a respeito do dimensionamento de cabos, a NBR-5410 também deve ser verificada neste caso.

 

O que deve ser analisado durante a manutenção elétrica predial?

Nas instalações elétricas prediais e residenciais, o principal ponto de prevenção está relacionado com a quantidade da carga elétrica da instalação.
Quando uma residência ou prédio é construído, a sua instalação elétrica é feita para aguentar até uma certa carga elétrica. Com o tempo, caso não haja uma boa regulamentação de uso, é possível que os equipamentos acabem ultrapassando esta carga.
Ares condicionados e chuveiros são os principais culpados deste problema, geralmente é necessário criar circuitos exclusivos para estes aparelhos.
A manutenção preventiva também age neste tipo de problema, com o profissional tentando identificar se há instalações que ameaçam causar uma sobrecarga na rede.
Este é um dos principais fatores que devem ser analisados durante uma revisão preventiva na instalação elétrica de um prédio. Conheça outras dicas de manutenção elétrica predial preventiva.

 

Dicas de manutenção elétrica predial

Além da possível sobrecarga da rede elétrica, também é necessário analisar outros fatores interessantes. São eles:

  • Situação do cabeamento, plugues, interruptores e outras partes da rede. Analisar como está a situação dos fios e de outros componentes da rede elétrica é tão importante quanto analisar a sobrecarga. São estas falhas que causam curtos e acidentes.
  • Equipamentos e dispositivos de segurança. Quando há uma sobrecarga ou curto na rede elétrica, geralmente o disjuntor “cai”. Este é um procedimento bem comum em qualquer rede elétrica e é responsável por evitar incêndios e outras causas. Se defeituoso, os sistemas de segurança e proteção contra surtos de tensão devem ser trocados imediatamente. Para saber se o dispositivo está funcionando de forma correta é necessário a vistoria de um eletricista 24 horas;
  • Ciclo de vida de equipamentos. Todo equipamento tem um tempo de vida útil. Este tempo pode ser dado como um período de “validade” para aquele equipamento. Durante a manutenção preventiva predial, é necessário identificar quais equipamentos estão atingindo este tempo de vida e substitui-los;
  • Equipamentos que estão sem uso por muito tempo. Alguns equipamentos, principalmente motores e geradores, podem acabar danificados caso fiquem muito tempo sem uso. Estes itens também devem ser avaliados durante a manutenção predial preventiva.

 

De forma bem básica, este é o trabalho da manutenção predial preventiva: Identificar falhas na rede antes que eles se tornem problemas; corrigir defeitos e substituir equipamentos antes de quebrarem.

 

O que não pode faltar na manutenção elétrica predial?

Apesar do conhecimento técnico ser essencial para lidar com manutenção de elétrica predial, alguns itens são indispensáveis para que o serviço prestado seja de qualidade. São eles:

  • Uso de materiais elétricos de qualidade. Os materiais precisam estar de acordo com as especificações e necessidades técnicas propostas para a instalação. A falta de atenção com essa parte pode gerar retrabalho e despesas extras
  • Segurança em primeiro lugar. Deverão ser obedecidos todos os procedimentos relativos às recomendações de segurança, segundo as especificações da instalação ou da empresa

 

Plano de manutenção elétrica predial 

Para atender aos objetivos de evitar paradas de emergência e acidentes, um plano de manutenção é essencial em um projeto de elétrica predial. Por isso, contratar uma parceira que possui experiência em serviços de manutenção predial pode auxiliar na gestão dos afazeres para garantir a periodicidade correta das manutenções.

Felizmente você pode contar com a ConstruServices para planejar, executar e gerir suas atividades de manutenção predial
Não deixe de nos consultar. Faça contato

Posts Relacionados

Ações que movem o mundo

Você já foi impactado pelas nossas atividades ESG no ano passado (veja em nossas redes sociais), e agora estamos super felizes em pode ajudar esse…

Confira o Guia completo sobre manutenção elétrica e entenda por quê é importante para a sua empresa.

Realizar a manutenção elétrica periódica de uma empresa tarefa fundamental para ter certeza de que todos os equipamentos eletrônicos estão funcionando corretamente, com a segurança…

Conte com a ConstruServices para ter um serviço com qualidade e segurança!

Atuamos em serviços de manutenção elétrica, manutenção hidráulica, construção e reforma, CFTV, energia solar fotovoltaica, projetos arquitetônicos, serviços de TI e manutenção predial.

Nosso trabalho é focado no compromisso com o cliente em todas as fases do projeto para estabelecer uma parceria duradoura para satisfazer necessidades e superar expectativas.

Traga seus objetivos e metas e juntos encontraremos as melhores soluções!